O Caldeirão voltou

Depois de muito tempo longe de casa, os Xavantes poderão voltar a assistir os jogos no Estádio Bento Freitas

Por Jéssica Gebhardt

A casa dos rubro-negros finalmente foi liberada. A confirmação veio ontem à tarde (16), depois da vistoria da Brigada Militar (BM), que esteve por duas horas conferindo as readequações do estádio rubro-negro. Segundo o Major Humberto Barcellos, em entrevista ao Diário Popular, toda a área reconstruída do Estádio Bento Freitas preencheu os requisitos obrigatórios e foi liberado, mas o estádio ainda precisará passar por algumas readequações. O muro de contenção do lado da arquibancada que foi demolida ainda precisa ser finalizado, mas o clube se comprometeu e a obra já está em andamento.

Imagem: Diário Popular

Imagem: Diário Popular

Agora o Brasil só aguarda os laudos dos Bombeiros e da BM para encaminhar à Confederação Brasileira de Futebol e ter o estádio oficialmente liberado. Junto com aos laudos, o Brasil deve enviar também um pedido de alteração do local do jogo contra o Londrina – marcado para ser realizada no Estádio do Vale, em Novo Hamburgo. A partida é válida pela quinta rodada da Série C e ocorrerá no dia 28. Como uma parte da arquibancada foi demolida, a capacidade do estádio fica reduzida para 5.190 lugares.

 

Imagem: Assessoria GEB

Imagem: Assessoria GEB

O que ainda será feito?

Para um primeiro momento, o Brasil deve finalizar o muro de contenção no lado onde a arquibancada foi demolida. Cerca de 48 horas antes da partida contra o Londrina, a BM fará uma vistoria de praxe para verificar questões de segurança e se os materiais de construção foram retirados do local.

O momento é de reconstrução da Baixada. Ainda há todo um projeto à ser executado. Segundo Tiago Perceu, presidente da comissão de obras do clube, em entrevista à TV Xavante, o desenvolvimento do projeto está bem evoluído e a ideia de um novo Bento Freitas está cada vez mais viável.

O estádio estava interditado desde fevereiro, porque parte da arquibancada caiu durante o jogo contra o Flamengo na Copa Brasil. Foram nove jogos longe do Estádio Bento Freitas, e os torcedores estavam apreensivos e ansiosos com o resultado da vistoria. Depois da liberação, veio o alívio e a alegria ao saber que, finalmente, poderão voltar pra casa.